Leis que “não pegam” se tornam um tormento para a sociedade

A infração da lei do papel higiênico já fez muitas vítimas famosas. Todas alegaram inocência, em juízo.

Uma pesquisa feita pelo Datafoda-C indica que mais de 80% das pessoas não conhece a lei que proíbe o uso de celulares dentro de agências bancárias.

O alto índice mostra que as pessoas não se preocupam em conhecer a legislação vigente no país e uma série de leis simplesmente são ignoradas, tanto pelos cidadãos quanto pelas autoridades.

O Mentira Diária traz aqui algumas dessas leis “esquecidas” e pergunta: você sabia da existência delas?

1 – Lei Mário da Penha: criminaliza a agressão a qualquer homem no território brasileiro que esteja assistindo uma partida de futebol.Pena para o agressor de 6 meses a 2 anos de reclusão. A pena dobra se o jogo estiver nos acréscimos e triplica se o agressor for argentino.

2 – Lei do troninho: proíbe a reutilização do papel higiênico, mesmo que seja pela mesma pessoa. A pena pode ir de cestas básicas a infecções por coliformes fecais.

3 – Lei anti-fumo: proíbe que os alunos burros tenham sua atenção chamada em público, devendo ser levados para sala especial, com 4m quadrados e chapéu com a inscrição “burro” na cor verde e fonte “verdana”. Pena varia de 3 golpes com régua na palma da mão a 20 minutos ajoelhado no milho.

4 – Lei seguro-maternidade: assegura que todo feto tem o direito de realizar curso preparatório de no mínimo 6 meses e se preparar para o teste do pezinho. Pena de 20 dias a 4 meses de choros ininterruptos de madrugada.

Anúncios


Categorias:Brasil

Tags:,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: